A Associação Brasileira de Estilistas (Abest) sugere novo calendário de moda para o varejo em razão da pandemia do novo coronavírus, a Covid-19. A sugestão foi divulgada pela instituição por meio de uma carta aberta. De acordo com o comunicado, a mudança ocorreria já no Inverno de 2020 com peças vendidas a preço cheio até o final de julho para entrar em liquidação somente em agosto.

Desta forma, a proposta sugere que o calendário fashion tenha novas datas de lançamentos das coleções pelas marcas para os lojistas, novo momento de lançamentos das novidades nas lojas, além de novo período para as liquidações.

O documento foi assinado em conjunto com os principais showrooms do Brasil, sendo eles Salão Casamoda, Contemporâneo Business, Feira TM, Maria Eugenia Showroom, Conceito +, Novo Showroom e Fashionroom, e recebeu apoio do SPFW, InMod e FFW, além das marcas que a associação representa.

“Reunimos sete dos principais showrooms do Brasil. Temos 120 marcas na Abest, sabemos das necessidades que elas têm, especialmente as de pequeno e médio porte. Muitas delas fazem sua venda B2B com esses showrooms que, por sua vez, estão conectados a uma rede enorme de lojistas e boutiques no Brasil, que são os canais de distribuição no atacado”, explicou Roberto Davidowicz, vice-presidente da associação.

O novo calendário de moda da Abest

O calendário proposto pela Abest sugere que as coleções de verão sejam lançadas pelas marcas no final de junho e cheguem às vitrines das lojas a partir de agosto e setembro. As entregas às confecções ou lojas devem continuar de agosto a novembro e as liquidações do verão devem ocorrer em fevereiro.

Já o inverno seria lançado pelas marcas na segunda quinzena de janeiro e chegaria às lojas em março com as entregas até junho e as liquidações invernais nas lojas em agosto.

Portanto, o novo acordo tem duas ações imediatas ligadas a um plano emergencial por conta da Covid-19, que consiste em novas datas de liquidação e showroom. A terceira decisão é a de unificar um calendário a partir da mudança da data de liquidação: ela sai de julho para agosto e de janeiro para fevereiro. “É uma mudança sutil, estamos mexendo apenas um mês, mas que fará a diferença para o comercial das marcas, que tendem a ter um resultado melhor porque hoje está muito difícil”, justifica o vice-presidente.

Carta Aberta da Abest

Leia um dos principais trechos da Carta Aberta da Abest na íntegra:

Em 2020, devido a pandemia, as vendas no atacado acontecerão nas seguintes datas:

  • Verão: a partir da segunda quinzena de junho até do dia 10 de julho
  • Inverno: segunda quinzena de novembro

Varejo:

  • Liquidação inverno: agosto de 2020.
  • Liquidação verão: fevereiro de 2021.

Após esse difícil período que estamos vivendo, imaginamos um cenário mais realista para nossos negócios. A partir de 2021 sugerimos as vendas de atacado:

  • Verão em maio.
  • Inverno em novembro.

As liquidações de varejo continuam sendo fevereiro e agosto.

Assessoria da R.Baccin

A R.Baccin, que conta com experiência e conhecimento de 63 anos de mercado em representação de roupas e assessoria de compras, quer te ajudar auxiliar nesse período de mudanças e adaptações.

Entre em contato com a gente pelos nossos canais AQUI. 

Esperamos seu contato,

Até breve!